10 perguntas frequentes sobre o ensino do inglês como língua estrangeira

Jason Renshaw, um professor de inglês experiente que vive e trabalha na Coreia, elaborou 10 perguntas sobre o ensino de inglês como língua estrangeira. São perguntas cujas respostas – nada simples – têm sido frequentemente discutidas de modo superficial. Ou propositalmente com o intuito de perpetuar ideias erradas.

Mesmo que não se concorde com tudo o que ele coloca, deve-se admitir que ele levanta questões fundamentais que nos fazem pensar sobre o ensino do inglês no mundo.

Achei que há muitas verdades no que ele escreveu e, por isso, pedi permissão a ele para traduzir o artigo (o que ele gentilmente me deu) e o incluí abaixo. Se você puder, dê também uma olhada nas discussões que seguiram o post original aqui.

Fique à vontade para dar sua opinião.

Respostas simples a 10 perguntas frequentes sobre o ensino do inglês como língua estrangeira (TEFL)

Às vezes, a verdade dói. Mas, às vezes, confrontar a verdade nos ajuda a aceitar e entender certas coisas com mais clareza. A partir daí, depende basicamente de você…

Aqui está minha opinião sobre 10 perguntas frequentes que são feitas dentro do mundo TEFL (ensino do inglês como língua estrangeira) e sobre esta indústria. Longe de me deixar desmotivado com uma sensação de “Por que me aborrecer? Qual a utilidade?”, minha aceitação de algumas destas verdades é, na realidade, uma força que me impele na minha motivação pessoal de me levantar, mudar e (pelo menos isso) aprender a viver de maneira harmoniosa com algumas delas.

Q1. Por que tantas pessoas no mundo estão aprendendo inglês?

Resposta errada:
Porque eles querem tornar-se cidadãos globais e comunicar-se/estar em contato com outras pessoas ao redor do mundo.

Resposta certa:
Porque eles precisam. É algo obrigatório em seu currículo ou necessário para avançar na carreira.

Q2. Por que motivação é um assunto tão importante nas aulas de aprendizado de inglês?

Resposta errada:
Porque inglês é difícil e leva-se muito tempo para aprender.

Resposta certa:
Porque a maioria dos alunos na verdade não quer aprender inglês. Eles não aprenderiam se, realisticamente, tivessem escolha.

Q3. Por que boa parte do ensino da língua inglesa acontece em salas pequenas, sem nenhum tipo de decoração e com poucas janelas (quando há janelas)?

Resposta errada:
Isso ajuda os alunos a se concentrarem mais na língua e no aprendizado.

Resposta certa:
Em certas situações, isto é tudo o que se consegue arrumar de maneira eficiente. Em outras é o que se consegue arrumar numa estratégia empresarial cujo objetivo é o máximo lucro.

Q4. Por que os livros são importantes em cursos de inglês?

Resposta errada:
Eles são a maneira mais eficiente de orientar e facilitar o desenvolvimento da linguagem.

Resposta certa:
(1) A maioria dos diretores de escolas não tem a mínima idéia de como ensinar inglês de maneira eficiente; (2) a maioria dessas escolas contrata professores sem experiência ou professores muito pouco qualificados que não têm a mínima idéia de como ensinar inglês de modo eficiente; e (3) escolas querem ganhar dinheiro e livros em papel lustroso, preparados de antemão, lhes dão uma aparência muito mais profissional e eficiente do que elas realmente são.

Q5. Por que os testes têm tanta importância no estudo do inglês como língua estrangeira?

Resposta errada:
Eles auxiliam os alunos a medirem seu próprio crescimento na língua e a estabelecer seus próprios objetivos no aprendizado.

Resposta certa:

Inglês é, em primeiro lugar, uma qualificação (para a grande maioria dos alunos) e, por causa da enormidade no número de alunos, torna-se necessária uma maneira simples de se medir quem é melhor do que quem (portanto o mais “qualificado”).

Q6. Por que a maioria dos testes de inglês concentra-se exclusivamente em leitura, compreensão auditiva e gramática?

Resposta errada:
Porque é impossível testar as habilidades de expressão oral e escrita de maneira eficaz.

Resposta certa:
Há gente demais para ser testada e essas habilidades passivas são as mais fáceis de medir em um número gigantesco de inscritos, de modo rápido, confiável e lucrativo.

Q7. Por que tantas organizações “não-lucrativas”, que realizam testes, cobram tão caro por eles?

Resposta errada:
Por causa dos incríveis custos relacionados à realização e distribuição dos testes.

Resposta certa:
Porque “organizações não-lucrativas que realizam testes” é um nome totalmente inapropriado para tais instituições.

Q8. Por que é tão caro aprender inglês?

Resposta errada:
Porque o aprendizado exige muitos recursos e professores altamente treinados.

Resposta certa:
O ensino da língua inglesa é um super negócio. E negócios têm a ver com oferta, demanda e com ganhar muito dinheiro.

Q9. Por que muitos professores não se empenham mais para desenvolver seu conhecimento e profissionalismo?

Resposta errada:
Eles estão sempre ocupados demais e não têm consciência das oportunidades que lhes estão disponíveis.

Resposta certa:
Eles não querem ou não ligam pra isso.

Q10. Por que as maiores editoras não procuram desenvolver materiais de ensino que sejam melhores e mais variados?

Resposta errada:
Porque eles têm despesas muito altas e só têm condições de atender às necessidades do mercado imediato.

Resposta certa:
(1) O departamento organizacional de tais editoras as hipnotizou, convencendo-as de que elas estão produzindo materiais melhores e mais variados; e (2) porque materiais melhores e mais variados são infinitamente menos lucrativos; e/ou (3) eles não precisam fazer isso.

Pergunta bônus: Há alguma esperança para o ensino do inglês como língua estrangeira? Ele está destinado a ficar girando em espiral dentro de uma garrafa cheia de rótulos de sucesso? Se há esperança, de onde ela vem?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: